Intercâmbio UK – Visto de Estudante tem Novo Processo de Solicitação

Fevereiro 13, 2009

Mudança no Processo de Solicitação de Visto de Estudante para Estudar no Reino Unido entrará em vigor.

Intercâmbio - Reino Unido

Intercâmbio - Reino Unido

Em Março de 2009 , algumas mudanças importantes no processo de solicitação de visto de estudante para o Reino Unido estarão entrando em vigor.

Pelo novo sistema, todos os estudantes internacionais desejando estudar na Inglaterra serão avaliados através de um sistema de pontuação, similar ao atual sistema utilizado para estudar na Austrália.

Conheça tudo sobre Intercâmbio no Exterior:
Intercâmbio – Estudar no Exterior
Cursos de Inglês em Londres, UK
Intercâmbio de Trabalho no Reino Unido, UK

Blog de Intercâmbios no Exterior

O futuro intercambista deverá atingir o mínimo de 40 pontos pelo sistema à ser implantado. Os primeiros 30 pontos são concedidos mediante à apresentação da carta de aceitação da instituição em que deseja ingressar. Os últimos 10 pontos são fornecidos através da comprovação de que o estudante possui condições financeiras adequadas para se manter no Reino Unido durante seus estudos, sem ajuda do governo.

Novas Mudanças para Estudar no Reino Unido

Também continuará sendo necessário que o estudante internacional demonstre que possui um histórico acadêmico e ou profissional que justifique suas razões para realizar o curso em questão. Ou seja, deve estar com seus estudos e/ou carreira profissional em dia, e possuir documentação para comprovar.

As mudanças afetarão principalmente as instituições de ensino no país, as quais deverão obter uma licença específica junto à ‘UK Border Agency’, o órgão do governo responsável por assuntos de imigração no Reino Unido. Somente as escolas e universidades registradas poderão receber estudantes provenientes de países de fora da União Européia.

Os gastos com estudos na Grã-Bretanha por estudantes internacionais contribuem com cerca de £2.5 bilhões na economia do país, segundo Phil Woolas, ministro do Departamento de Imigração do Reino Unido.

Cerca de 300 escolas foram fechadas. Mais segurança.

As mudanças no sistema de obtenção de visto foram estabelecidas para evitar que escolas e cursos fictícios se proliferem pelo país. Desde que o governo Britânico começou a implantar um controle maior sobre as instituições de ensino, cerca de 300 escolas já foram fechadas.

Quanto dinheiro o Estudante deve ter para conseguir o Visto?

Segundo o novo sistema, os valores que o estudante (ou o responsável por sua viagem) tem de ter disponível em seu saldo bancário é:

Duração do Curso Cidade Quantia

Duração do Curso Cidade Quantia
12 meses ou menos Londres Custo do Curso + £800 Libras para cada mês de estada
12 meses ou menos Outras cidades da Inglaterra Custo do Curso + £600 Libras para cada mês de estada
Mais de 12 meses Londres Custo do Curso + £9600 Libras para cobrir as despesas do primeiro ano
Mais de 12 meses Outras cidades da Inglaterra Custo do Curso + £7200 Libras para cobrir as despesas do primeiro ano
Dependentes Londres Para cada dependente, adicionar o valor de £533 Libras por mês de estada
Dependentes Outras cidades da Inglaterra Para cada dependente adicionar o valor de £400 Libras por mês de estada

O Estudante pode levar dependentes consigo?

Esposo/a e filhos/as são considerados como dependentes diretos do estudante internacional mas apenas poderão acompanhá-lo durante sua viagem ao Reino Unido se:
– O Estudante estiver matriculado em curso que tenha pelo menos um ano de duração;
– O Estudante possuir condições financeira para manter a si próprio e a seus dependentes sem necessitar recorrer a recursos públicos.

É permitido trabalhar Com o visto de estudante?

Sim, o estudante internacional pode trabalhar por vinte horas semanais durante o ano letivo e período integral durante suas férias, mesmo se estiver matriculado em cursos básicos, como curso de Inglês ESL.

Alguns cursos profissionalizantes habilitam o estudante a trabalhar como parte do curso, mas este caso não é aplicável a cursos básicos como inglês por exemplo. 

Os dependentes do Intercambista também poderão trabalhar por período integral, durante toda a duração do visto.

O Estudante pode extender o curso na Inglaterra?

Sim, perfeitamente, e os critérios são bem parecidos com o processo no Brasil.

Venha fazer Intercâmbio no Reino Unido, UK

 

.

Anúncios

Intercâmbio Londres – International Graduate Scheme IGS

Fevereiro 12, 2009

Estudar e Trabalhar legalmente no Reino Unido é possível. Fazer uma graduação no Reino Unido pode representar o começo promissor de uma mudança na sua carreira profissional.

Intercâmbio - Reino Unido

Intercâmbio - Reino Unido

O Intercambista Brasileiro que viajar ao Reino Unido para um curso de graduação, pós-graduação, Master, PhD ou qualquer outro diploma de nível superior não precisa deixar o país tão logo terminem as aulas.

O governo Britânico proporciona um tipo específico de visto conhecido como International Graduates Scheme (IGT). Com isso, muitos estudantes internacionais estão tomando proveito disso, conseguindo empregos — e salários — de nível bem mais elevado, especialmente com relação aos intercambistas que fazem apenas cursos de Inglês, por exemplo.

Aprenda mais sobre Cursos no Exterior:
Intercâmbio – Estudos no Exterior
Cursos de Inglês em Londres
Intercâmbio de Trabalho no Reino Unido

Blog de Intercâmbios e Cursos no Exterior

Até maio de 2007, esse tipo de permissão apenas era concedida para os estudantes que se especializassem em cursos ligados a Ciências e Engenharia, mas após essa data o governo resolveu ampliar o benefício. O objetivo é manter no país profissionais especializados, dando oportunidade para que as empresas britânicas absorvam essa mão de obra especializada e ao mesmo tempo encorajar estes alunos a estabelecer uma carreira na Grã Bretanha, para benefício mútuo.

Requisitos para Estudar e Trabalhar no Reino Unido

As regras para se enquadrar no IGS são:

1 – Ter completado um curso numa das instituições reconhecidas pelo “Departament for Education and Skills” como “Higher” ou “Further Education”, tais como (Bachelor’s degree; Master’s ou PhD; diploma ou certificado de Postgraduate);
2 – Ter completado o curso em, no máximo, 12 meses antes da aplicação para o IGS;
3 – Intenção confirmada de trabalhar durante o período concedido no novo visto;
4 – Ter condição de se manter durante esse período sem precisar de ajuda do governo;
5 – Intenção de deixar o país ao final do período (exceção para quem conseguir visto de trabalho ou qualquer outro tipo de visto que lhe garanta permanência mais prolongada);

Apos esse período, se desejar, o Intercambista Brasileiro pode solicitar outros vistos, como visto de trabalho ou de permanência.

Como Solicitar o IGS

O Intercambista Brasileiro que desejar aplicar para o IGS precisa:
– Ainda estar residindo no Reino Unido;
– Preencher o formulário específico disponível no site do Home Office em http://www.workingintheuk.gov.uk ;
– Pagar uma taxa que varia entre 395 libras (se a aplicação for enviada pelo correio) ou 595 libras (se o estudante for pessoalmente ao Home Office).

A análise do processo pode levar até três meses, mesmo prazo para outros vistos de estudante. Normalmente, o processo é mais rápido quando feito pessoalmente no Home Office. Além do estudante, esposos e dependentes também podem ser incluídos neste benefício.

Venha fazer Intercâmbio no Reino Unido

 

.


Intercâmbo com Neve – Em Londres, Inglaterra

Fevereiro 11, 2009

Neve quase paralisa Londres, Inglaterra e todo o Reino Unido.


Vídeo de Intercâmbio –  Neve em Londres.

Depois de grande atraso, a frente fria finalmente chegou ao Reino Unido trazendo muito frio e muita neve. Estatisticamente, o inverno não havia sido tão rigoroso assim para os Britânicos nos últimos 18 anos.

Dicas de Intercâmbio na Europa e Américas:
Dicas de Intercâmbio.
Intercâmbio na Europa.
Cursos de Inglês na Inglaterra.
Intercâmbio no Canadá.
Intercâmbio nos EUA.

Na segunda-feira, uma densa camada branca da famosa neve cobriu praticamente todo o Reino Unido, da Escócia à Inglaterra.

Mas nem tudo foi comemoração pois, por exemplo em Londres, trens circularam com atrasos, diversas estações do metrô ficaram fechadas, ônibus foram suspensos.

Milhares de crianças foram dispensadas das aulas, o que gerou muitas críticas dos pais que tiveram de ficar em casa para cuidar delas, em poder trabalhar. Muitas empresas e lojas portanto tiveram de ficar de portas fechadas pois seus funcionários não conseguiram chegar ao trabalho.

Pode parecer muito, mas se fosse no Canadá, a quantidade de neve que caiu em Londres não é nada mais que um dia normal de inverno, o qual nem mesmo foi tão frio assim. Tudo depende de se estar preparado ou não.

Assista a algumas destas imagens no vídeo de intercâmbio acima.

Venha fazer Intercâmbio na Inglaterra.

 

.